// //



WWW.COMPENDIO.COM.BR

Michel Temer coloca exército contra caminhoneiros para continuar assegurando uma política econômica que privilegia uma pequena minoria de bilionários.

Temer declarou "Comunico que acionei as Forças Federais de segurança para desbloquear as estradas e estou solicitando aos senhores governadores que façam o mesmo".

Ironicamente os caminhoneiros, que tanto pediram intervenção militar contra a Dilma, estão sendo contemplados com uma intervenção militar contra eles mesmos! É lamentável ver a que ponto chega um governo ilegítimo, que já deveria ter sido caçado, tendo em vista a gravidade das acusações que pesam sobre ele, para defender aos interesses de um pequeno grupo econômico que fatura biliões as custas dos constantes aumentos nos combustíveis.

A única saída que os brasileiros têm, é eleger um próximo presidente que seja o avesso de Michel Temer, porque se eles conseguirem cumprir o propósito final, que é o de entregar todo petróleo brasileiro ao mercado privado, como já vem sendo feito gradativamente, resultando no reflexo que vemos, então não terá volta, o povo terá que dizer adeus ao carro próprio e muitos outros bens de consumo que voltarão ser destinados apenas a classes mais abastadas.




Moro Decide não julgar caso relacionado a Beto Richa do PSDB

Prisão de Lula estimula alta do dolar e grande mídia evita falar sobre o assunto.

Prisão não tira Lula como favorito nas intenções de voto.

Em clima de frustração Globo News não pôde relacionar resposta do Mercado com a Prisão de Lula.

Decisões judiciais continuam beneficiando TEMER e AÉCIO.

STF ignora Constituição Federal e nega HC para o ex-presidente Lula.

Tiros contra a caravana de Lula são atentados contra a liberdade de manifestação.

STF aceita HC de Lula e reestabelece equilíbrio jurídico.

Em Assembleia Estadual da APP Sindicato educadores do Paraná decidem manter estado de greve.

Leia mais...

Leia mais...