// //



WWW.COMPENDIO.COM.BR

Antes de aprovar as reformas contra os trabalhadores governo Michel Temer entra em ruínas.

Em uma parte da gravação Aécio Neves fala em matar o delator antes que ele faça a delação. O senador Aécio fugiu do plenário assim que soube das gravações em que ele aparece pedindo propina de 2 milhões. No caso de Michel Temer, as gravações revelam crime contra o judiciário, no sentido de interferir nas investigações. Sua posição de presidente da república agrava mais ainda o fato. Por mais que a grande mídia tivesse “milhões” de motivos para blindar Temer, tentando fazer com que suas reformas fossem aprovadas, o que iria beneficiar empresários e políticos que devem milhões ao cofres públicos e massacrar os trabalhadores, não foi possível disfarçar perante tamanho escândalo. Resta saber agora se o judiciário vai cumprir o seu papel, fazendo as prisões necessárias, ou vai continuar passando para o povo a impressão de que a corrupção no Brasil não tem solução.

Vale destacar ainda, que se Temer cair, o cenário continua não sendo promissor, considerando que o deputado Rodrigo Maia, que está na lista de sucessão presidencial, também é um investigado por corrupção, e que o congresso pode fazer uma eleição indireta para novo presidente, o que poderia colocar no poder alguém de continue atendendo os interesses de empresários e políticos corruptos. A única saída possível, seria eleições diretas já. Quem tiver que assumir o poder, que seja escolhido diretamente pelo povo.

compendio.com.br. 17/05/2017.




Ibope aponta cenário de segundo turno parecido com o cenário em que Dilma derrotou Aécio.

Empresa Havan é processada por desrespeitar liberdade política de funcionários

Milhões de brasileiros se unem contra o neofacismo no dia 29/09/2018.

Projeto neoliberal que acaba com direitos do povo ganha força na fala de Mourão

Historiador aponta fortes relações entre fala de Bolsonaro e o Nazismo.

Corrupção na família Bolsonaro emprega funcinários fantasma.

Lula pede para que seus eleitores votem em Fernando Haddad para presidente

Beto Richa candidato a senador pelo PSDB é preso por corrupção.

Em nova decisão ONU reafirma que Brasil é sim obrigado a permitir candidatura de Lula

A síntese de um país que não tem como dar certo numa só imagem.

Leia mais...

Leia mais...